You have selected Brasil. Based on your configuration, United States might be more appropriate. Do you want to keep or change the selection?

História de sucesso de nosso cliente Beer | TRUMPF

Em 2007, Tanja Schröder assumiu a empresa de seus pais. Mas a produção não era mais rápida e flexível o suficiente para continuar no mercado. Em 2012, ela investiu de forma corajosa em uma máquina de corte a laser usada da TRUMPF. Depois foram adquiridas uma TruBend 3120, uma TruBend 7036, uma TruLaser 1030 fiber e uma TruLaser Tube 5000. Hoje, Tanja Schröder tem quatro máquinas TRUMPF, dez funcionários e todos os dias várias pequenas experiências de sucesso.

Setor

Processamento da chapa

Número de funcionários

10

Local de operação

Thalmässing (Alemanha)

"Se a gente não se mexer, nada muda": a fórmula de sucesso de Tanja Schröder

Coragem é essencial para a processadora de chapas Tanja Schröder como empresária. "Quando alguém tem medo de tomar decisões, nada muda". Com sua visão para o futuro, ela tirou a empresa familiar da crise.

Desafios

A empresa Beer Metallbau já existe há 50 anos. Para a proprietária Tanja Schröder, o momento problemático foi em 2012. Na época, os negócios estavam cada vez piores e ela viu a necessidade de agir urgentemente. A produção não era rápida e flexível o suficiente para conseguir mais pedidos. Ela reconheceu: se ela não fizesse um investimento ousado na hora, a empresa acabaria fechando mais cedo ou mais tarde – e assim ela decidiu investir espontaneamente em uma máquina de corte a laser usada da TRUMPF. "Acho que vou comprar um laser", decidiu ela antes de uma visita a uma feira e realizou logo seu desejo com uma máquina usada da TRUMPF. 

"Quando o laser chegou, ficou claro: nós precisamos de mais para a chanfradura. Com a dobradeira TruBend, a operação atingiu seu potencial. Com ela estamos muito bem equipados e produzimos de forma flexível peças de modelo e avulsas."

Tanja Schröder
Proprietária

Soluções

Depois da máquina de corte a laser veio a primeira dobradeira. A gama de peças cresce junto com o parque de máquinas da Beer. A curva de pedidos também está mostrando um crescimento cada vez maior. "Estamos recebendo muito mais pedidos, pois nós conseguimos cobrir um leque muito maior." De forma flexível, são fabricadas por completo peças de modelo e peças únicas para clientes. Com seu parque de máquinas – que conta atualmente com uma máquina de corte a laser, duas chanfradeiras e uma máquina de corte de tubo a laser – Tanja Schröder sente que "está totalmente preparada". Para ela é importante que seu fornecedor seja confiável não só antes, mas também depois da compra. Como a pessoa de contato da TRUMPF está nas proximidades, isso lhe dá segurança: "Para mim foi muito importante saber que quando houver problemas, eles estarão lá para me ajudar."

Implementação

Tanja Schröder e sua equipe lidaram bem com a tecnologia desde o início. Até mesmo a chanfradura eles acham simples graças às funções inteligentes das máquinas: "Na TruBend, eu desenvolvo meu programa, integro minhas ferramentas e o ângulo sai exatamente como eu quero. A TRUMPF facilita isso do ponto de vista do comando." É visível que ela gosta bastante do seu trabalho. "Eu chego todos os dias com motivação no trabalho. Os funcionários são sensacionais, nós temos máquinas ótimas e todos os dias presenciamos pequenos sucessos – isso faz muito bem".

Perspectiva

Uma lista de desejos com novas máquinas sempre está na cabeça de Tanja Schröder – e as ideias sobre como aproveitar ainda mais suas máquinas. O financiamento nunca foi um obstáculo: "Na verdade, o esquema é fácil: eu informo à equipe de vendas o que eu gostaria de ter e eles elaboram um financiamento adequado. Até agora isso sempre deu certo".

Saiba mais sobre as máquinas

- / -