You have selected Brasil. Based on your configuration, United States might be more appropriate. Do you want to keep or change the selection?

Impressão 3D de metal em tecnologia odontológica | TRUMPF

O que é impressão dentária 3D metálica e quais processos existem?

Da fundição à fresagem e à impressão 3D: a história do desenvolvimento do processamento de metais também se reflete na tecnologia odontológica. As próteses metálicas, criadas na técnica de fundição, agora saem da impressora 3D. O processo é ainda mais barato e rápido que a técnica de fresagem. Para a manufatura aditiva de próteses estão disponíveis para a indústria odontológica vários processos de impressão 3D metálicos. Na Laser Metal Fusion (LMF), o laser cria novas peças, camada após camada, a partir do pó. Este processo,  também conhecido como Selective Laser Melting (SLM) ou Powder Bed Fusion (PBD), é usado, por exemplo, na fabricação de alta precisão  de  próteses sobre  implantes. Em suma, um grande número de geometrias individuais pode ser implementado de uma maneira descomplicada. Não há necessidade de separar os pônticos e a correção do raio do cortador não é mais necessária. A vantagem: mais espaço em áreas de objetos importantes. Além disso, as retenções para folheados de plástico e recortes podem ser facilmente implementadas.

Quais são as vantagens que oferece a impressão dentária 3D metálica?

Indicações dentais mais rápidas, baratas e novas graças à cadeia de processos híbridos. Investir na manufatura aditiva vale a pena de várias maneiras para os laboratórios de prótese dentária.

Próteses individuais - fabricadas em série

Muitas geometrias individuais podem ser implementadas de forma fácil e produtiva usando fusão a laser baseada em leito de pó (LMF).  Funções como multilaser ou multiplate garantem a fabricação produtiva de componentes dentais individuais.

Resultado mais Rápido

Uma impressora dentária 3D produz próteses muito mais rápido do que os métodos convencionais e a tecnologia de fresamento. No entanto, a impressão 3D metálica não oferece apenas muitas vantagens na produção, a preparação do trabalho também é mais rápida graças à cadeia de processo digital. Os  técnicos odontológicos podem trabalhar com conjuntos de dados digitais que são transmitidos aos laboratórios odontológicos em tempo real. A impressão digital elimina a necessidade de modelos de gesso e impressões de silicone.

Ampla variedade de indicações

Com a impressão dentária 3D, você pode produzir um grande número de indicações odontológicas de maneira precisa e com economia de material. Graças à conexão digital dos sistemas TruPrint à fresadora, indicações como coroas e pontes implantadas, coroas telescópicas e peças secundárias podem ser produzidas de maneira econômica no processo híbrido. É aqui que o benefício da impressão direta de abutments individuais em peças de base especiais (pré-formas) feitas de titânio ou cromo-cobalto entra em jogo.

Menos material, mais qualidade

Como a impressora 3D processa apenas a quantidade de pó de metal de que realmente precisa, os usuários economizam material e dinheiro. Ao mesmo tempo, o meio ambiente se beneficia do uso sustentável de materiais como o cromo-cobalto. O excesso de pó pode ser facilmente reutilizado após a impressão. As impressoras  3D podem trabalhar com  geometrias complexas, como cantos e bordas nos  menores espaços. Como resultado, os técnicos de prótese dentária  aumentam significativamente a qualidade das peças fabricadas.

Produza de forma econômica em um processo híbrido

Graças às interfaces abertas, a impressora 3D pode ser integrada de forma ideal nas cadeias de processo  CAD/CAM existentes. Os laboratórios odontológicos não precisam portanto converter todo o seu sistema. As vantagens deste fluxo de trabalho híbrido: tempos de produção mais curtos, custos mais baixos.

Impressão Dentária 3D de Metal - Perguntas e Respostas

Quantas peças dentárias cabem em uma placa de substrato (Ø 100 mm)?

Dependendo da forma, há espaço para até 100 coroas em uma placa padrão (diâmetro aprox. 100 mm).

Quanto tempo leva para imprimir uma placa de substrato totalmente preenchida (Ø 100 mm) com coroas e pontes?

Uma placa de substrato com cerca de 100 coroas é impressa com laser duplo em cerca de três horas. Um único laser leva cerca de cinco horas.

Que aplicações posso realizar com uma impressora 3D metálica?

Coroas, pontes, barras e supraestruturas, bem como todos os objetos suportados por implantes, como abutments individuais, coroas telescópicas, peças primárias e secundárias, peças ortodônticas, modelos de gesso e próteses parciais podem ser fabricadas aditivamente.

Que material é usado para impressão de próteses dentárias 3D?

O cromo cobalto e o titânio podem ser facilmente processados ​​por uma impressora 3D. Em geral, não há restrições quanto ao material usado graças à arquitetura de sistema aberto. Além disso, as soluções plug-and-play para muitos pós permitem um início fácil e rápido.

Quanto espaço preciso para minha impressora 3D no laboratório?

As impressoras 3D são muito fáceis de configurar em laboratórios de prótese dentária e passam por uma porta padrão normal e em um elevador. Não precisam de ar comprimido e funcionam com eletricidade normal (230V). O peso de uma máquina é de 650 kg (incluindo pó).

Preciso de uma conexão de gás para operar a impressora 3D?

TruPrint 1000 e TruPrint 2000 funcionam com um cilindro de gás.

Fluxo de trabalho híbrido

Fluxo de trabalho híbrido: como equipar sua produção dentária para o futuro

A conexão com a fresadora é um marco importante no caminho para a produção em série automatizada na tecnologia odontológica. 

Saiba mais
Assistência e contato