Seleção de país/região e idioma

Puncionamento de chapas

No processamento de chapa, o puncionamento é um processo de separação no qual uma chapa é separada em um só golpe. Golpes individuais que podem ocorrer em sequência muito rápida geram, por exemplo, furos redondos na chapa. Os contornos exteriores também podem ser processados com puncionadeiras.

Puncionamento

Processo de puncionamento

Formas puncionadas são geometricamente perfeitas: um furo puncionado é perfeitamente redondo. Uma puncionadeira funciona como um perfurador de papel. O punção pressiona o papel contra o apoio do perfurador e, finalmente para dentro de uma abertura redonda. Assim ele recorta um furo circular. As peças residuais puncionadas são coletadas no recipiente do perfurador. O puncionamento de metais funciona da mesma forma: a chapa se encontra entre o punção e a matriz. O punção se move para baixo e mergulha dentro da matriz. As arestas do punção e da matriz se movem paralelamente entre si, separando assim a chapa. Por isso, o puncionamento faz parte do grupo de processos de corte.

Punção perfeita de metal em quatro etapas

Processo de puncionamento em quatro etapas

Analisado em detalhes, o puncionamento ocorre em quatro fases. Quando o punção toca a chapa, inicialmente ela se deforma. Depois é cortada. Finalmente, a tensão interna do material chega ao ponto da chapa romper ao longo do contorno do corte. A peça de chapa removida por puncionamento, o assim chamado cavaco,  é empurrada para baixo. Quando o punção retorna para cima, pode acontecer dele puxar a chapa consigo. Neste caso, o separador solta a chapa do punção. Quanto maior a parcela de corte na aresta da chapa, tanto melhor a qualidade das arestas. Nos locais de ajuste, por exemplo, é feita uma pré-furação e depois puncionado novamente com uma ferramenta um pouco maior, até o diâmetro definitivo. A parcela de corte de uma aresta assim é então de até 100%.

Ainda mais flexibilidade: combinar puncionamento e corte a laser

O puncionamento é perfeito para formas que se repetem. No caso de geometrias complexas, para as quais é necessário trocar as ferramentas de puncionamento com frequência, ou que muitas vezes não ocorrem em seguida, uma ferramenta adicional também pode ser considerada: o laser. Dependendo da aplicação, com uma máquina combinada de puncionamento/laser você pode utilizar a ferramenta de puncionamento rápido com alta taxa de repetição ou o cabeçote a laser mais lento, porém completamente sem restrições em termos de contorno. No filme você pode ver como isso é possível.

Esses temas também podem ser interessantes

Assistência e contato